Prêmio Caio Sustentabilidade

Prêmio Caio 17ª Edição

Case: INACERES NA FISPAL FOOD 2010
Candidato: Surreal Arquitetura Cenográfica
Cliente: Inaceres Ltda
Segmento: Serviços
Estado: SP
 
Capa Apresentação Conteúdo Apresentação de inovações tecnológicas e estratégias indicando Desafios e Soluções Retorno sobre investimento, geração de negócios e outros indicadores econômicos
Foto Estande Inaceres na fispal Foodservice 2010

A 26º - FEIRA INTERNACIONAL DE PRODUTOS E SERVIÇOS PARA ALIMENTAÇÃO FORA DO LAR - Fispal Food Service aconteceu entre os dias 07 e 10 de Junho de 2010 no Expo Center Norte ( São Paulo). É uma feira voltada exclusivamente para o segmento de alimentação fora do lar, acompanha o mercado e é um termômetro para medir o desempenho das empresas. Apresenta soluções e produtos para os segmentos food service, além de promover jovens talentos ao realizar concursos e palestras de qualificação profissional. Acontece anualmente em uma área de 39.000m², contando com 1.500 expositores do Brasil e também doze países do exterior, dentre eles estão: Bélgica, Canadá, China, Coréia, EUA, França, Itália, Índia, Malásia, Portugal, Taiwan e Vietnã.

A INACERES foi fundada em 2001, a partir da joint-venture entre a brasileira Agroceres e a equatoriana Inaexpo. A Agroceres desde 1945 foi uma das marcas mais valorizadas e respeitadas do agronegócio do Brasil e a Inaexpo era a maior exportadora de palmitos cultivados do mundo. A INACERES é hoje uma indústria de alimentos com excelência em qualidade, tecnologia e sustentabilidade. É a maior produtora de palmitos cultivados do Brasil. Atende as expectativas do consumidor mais consciente e exigente, interessado em adquirir um produto ambientalmente correto, seguro e de alta qualidade.
As marcas que compõem os produtos INACERES são: GINI, GOLDEN PALM, PALMA D’ORO, PALMITO AQUARELA.

Galeria de imagens
Estande Inaceres na Fispal Foodservice 2010
Foto do evento - Fispal Foodservice 2010
     

 

Através da agência OZONIO recebemos o brief para participação na concorrência do estande da Inaceres na Fispal Food.

Resumidamente o brief para o estande em ilha de 50m² solicitava que o projeto passasse os seguintes conceitos / idéias: contrastar o ambiente de cultivo e a tecnologia da empresa; evidenciar o processo cultivo sustentável – indústria – ponto-de-venda – consumidores; que houvesse um forte entendimento, que a INACERES é uma indústria alimentícia, pois o produto apresentado tem o estigma de ser sempre cultivado e manipulado de maneira rústica e primitiva, onde se extrai o palmito da mata, no caso dos palmitos Gini isso não acontece, são cultivados de maneira sustentável e manipulados em escala industrial; e por fim que não fossem utilizados palmeiras como ícones.

As necessidades principais foram: sala Vip, depósito, espaço gourmet para apresentação e degustação do produto, parede expositora grande, pois a Inaceres tem um mix de produtos bastante extenso.

Com o brief em mãos, sem conhecer os clientes (OZONIO e INACERES), tentamos ser criativos, contemporâneos, desvendar as expectativas e surpreendê-los, e conseguimos. Vencemos a concorrência!
O estande foi pensado e desenvolvido como um espaço Gourmet, muito convidativo, onde os visitantes eram induzidos a entrar e viver uma experiência única.

Em uma das laterais menores da ilha posicionamos a sala VIP e o depósito. Em seguida, no centro do estande, havia um espaço Gourmet completo com cooktop, coifa e mesa de degustação, todos integrados e do mesmo material. Seguidos por bistrôs para relacionamentos com os clientes. Todos esses espaços independentes eram unidos por forros que desciam até o piso formando vitrines com nichos iluminados para exposição dos produtos. Um grande lustre iluminava e também unia todo estande.

Galeria de imagens
Estande Inaceres
Estande Inaceres 2
     

 

Houve 2 desafios principais: o primeiro estava relacionado aos desejos e estratégias de ações do cliente par ao evneot que contemplavam um espaço goumert no qual o chef Allan iria preparar alguns pratos com os produtos da Inaceres. No mesmo espaço deveria haver uma área de atendimento para que os vendedores pudessem recepcionar potenciais clientes na qual também deveria contemplar uma vitrine para expor a linha de produtos. Completando a infraestrutura era preciso prever uma sala vip para reuniões importantes e fechamento de negócios.

Pela previsão inicial de visitantes a demanda era maior que a oferta de espaço disponível o que se tornou um grande desafio chegarmos a uma distribuição de espaço adequada. Após diversos estudos e alinhamentos com o cliente optamos por deixar os espaços com intersecções preservando apenas a sala vip obviamente para obter privacidade no atendimento. O objetivo desta solução foi deixar a circulação o mais livre possível e o cliente se comprometeu e gerenciar o fluxo de forma a não fazer com que o estande se tornasse apenas um local de demonstração perdendo-se assim oportunidades paralelas de captação de clientes através do atendimento nos bistrôs que mesmo sendo algo informal é porta de entrada para futuras efetivações de negócio.

Com isso a área gourmet foi posicionada em uma bancada central como uma ilha gourmet com bancos laterais nos quais haveria a possibilidade do acompanhamento e degustação dos pratos por parte dos visitantes.
A criação de mobiliários especiais e a composição do espaço com os totens vindos do forro naturalmente contribuíram para a organização geral dos ambientes.

O segundo desafio foi construtivo: projetamos uma estrutura que recebia um forro suspenso que serviria como ponto focal da área principal do estande. Como a estrutura deveria ser o mínimo aparente possível escondemos uma estrutura tubular de ferro engastada em treliças que percorriam todo o forro fazendo com que o forro vencesse o vão pretendido e ao mesmo tempo recebesse o grande lustre de madeira suspenso sem que houvesse balanço ou risco de colapso.

Galeria de imagens
Forro suspenso estande Inaceres
Detalhe Vitrine frontal e área de atendimento
Vista lateral estrutura geral do estande
Forro suspenso estande inaceres - 2
 

 

O depoimento abaixo foi retirado do site da Inaceres na área de notícias em 14/06/2010. Com certeza, o estande teve grande influência e
Durante a 26ª edição da Fispal Food Service – Feira Internacional de Produtos e Serviços para Alimentação Fora do Lar, realizada de 7 a 10 de junho, no Expo Center Norte, em São Paulo, a Inaceres, maior produtora de palmito cultivado do país, fechou negócios com novos clientes dos segmentos de hotéis e restaurantes de todo o Brasil, além de fortalecer o relacionamento com os canais já existentes.

"Na avaliação do Diretor Superintendente da Inaceres, Ricardo Araújo Ribeiral, a Fispal Food Service 2010 foi excelente em todos os aspectos porque conseguiu atender as expectativas e previsões da empresa para esta edição do evento. Primeiramente porque possibilitou encontros com os clientes atuais, àqueles com os quais a empresa já mantém relação comercial, estreitando-a ainda mais; além de prospectar tantos outros.

Outro ponto extremamente positivo na opinião do executivo foi a possibilidade de apresentar aos novos canais a qualidade e a tecnologia da Inaceres, nas quais estão pautados todos os produtos da empresa, como o produto apresentado na Fispal Food Service, o Gini Gran Reserva Profissional em vidro (1,8kg). Outra novidade ficou por conta da apresentação do novo layout do Palmito Gini (300g), que em agosto estará disponível no mercado.

“O Gini Gran Reserva Profissional teve uma aceitação muito grande dos clientes que passaram em nosso estande, muitos deles, já querendo fazer o pedido durante a própria feira”, conta Ribeiral, que também avalia como positiva a presença do Chef Allan no estande da empresa no último dia de feira, quando preparou uma receita especial de palmito com shimeji para demonstrar não só a maciez e o sabor dos palmitos Gini como a versatilidade do alimento.

O próprio Chef Allan fez questão de enaltecer, na presença do público que lotou o estande, a qualidade dos palmitos Gini Gran Reserva Profissional e Palma D’Oro, voltados ao mercado food service. Durante a preparação do prato, Allan, que é dono de uma famosa rede de cantinas italianas em São Paulo, ressaltou que busca os melhores produtos para compor suas receitas e o palmito Gini é um deles."

Um dos grandes retornos para a Surreal foi saber que um expositor que antes investia pouco no estande comprovou na prática o retorno em relação a esta grande ferramenta de marketing que está totalemnte atrelada a imagem instituciuonal da marca e como a empresa trata esse relacionamento com o mercado.





Galeria de imagens
Notícia retirada do site da Inaceres
Estande Inaceres
     

 

 

Compartilhe: Twitter Facebook Linkedin Plaxo Youtube